Sala Tarsila do Amaral – Comemoração dos 135 anos da artista

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Abaçaí Cultura e Arte, em parceria com a Prefeitura de Rafard e com a presença da Secretária de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Célia Leão, inaugurou a Sala Tarsila do Amaral e as rotas acessíveis na Fazenda São Bernardo.

Tarsila do Amaral, ícone das artes plásticas no Brasil, completaria 135 anos, no dia 01 de setembro de 2021. Neste mesmo ano, também celebra-se os 150 anos do Casarão e os 93 anos da obra Abaporu. Suas obras trazem elementos que exaltam as cores encontradas na natureza do Brasil e que refletiam sua vida na Fazenda.

Lideradas pelo Diretor Cultural da Abaçaí Cultura e Arte, Toninho Macedo, foram criadas rotas acessíveis, que ligam o casarão à Capela de São Bernardo, facilitando o acesso de cadeirantes e pessoas com mobilidade reduzida. Novas rotas serão implementadas daqui para frente.

“Aqui, na nossa casa, na fazenda em que Tarsila nasceu, comemoramos esta data tão importante de 1º de setembro, que é o aniversário de uma das maiores artistas plásticas do Brasil. Pensando em tornar a Fazenda São Bernardo um lugar que recebe todas as pessoas, e, em homenagem à Tarsila, que em parte da sua vida esteve em uma cadeira de rodas, criamos rotas acessíveis, que conduzem do casarão ao âmbito da Capela, onde futuramente inauguraremos o Juruá, que é o ponto de encontro.” – Toninho Macedo.

A programação contou com uma recepção no Casarão, acompanhada de um café caipira para a abertura da Sala Tarsila do Amaral. Na sequência, houve a entrega dos diplomas “Caminhos Acessíveis” para membros da comunidade local que participaram da construção e do trabalho coletivo que possibilitou as rotas acessíveis da Fazenda. Depois, a Caminhada até a Capela São Bernardo, onde foi instalado o Império do Divino. 

Fazenda São Bernardo

A Fazenda São Bernardo, local de nascimento e infância da artista, Tarsila do Amaral, está localizada na zona rural do município de Rafard, no interior de São Paulo. Foi fundada em 1881 e, desde 2011, tombada parcialmente pelo Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico (Condephaat), que estabeleceu o Casarão, as casas, a capela, o laboratório, a escola e outras partes, como patrimônio histórico e cultural e que devem ser preservados.

Saiba mais sobre a Fazenda São Bernardo – Abaçaí (abacai.org.br)


Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support