Artesanado de Palha de milho, da cidade de Redenção da Serra. Artesã Giselda. Fotografia de Reinaldo Meneguim

Festas

As festas populares são fatos sociais complexos, conjuntos de cerimônias, de rituais coletivos que visam celebrações de cunho religioso ou profano.

Neste site serão contempladas aquelas de motivações profanas ou religiosas que se mantêm em função da cooperação de toda uma comunidade, organizadas com a participação, senão de todos, mas de grande parte dos membros da mesma: São as “festas que o povo se dá”, no dizer de Peter Burke. Em suas realizações as pessoas não são meros observadores, consumidores, mas os sujeitos das ações, seus atores sociais.

As comunidades se envolvem em todas as etapas da mesma: na preparação, durante a fase cerimonial, que é ao mesmo tempo de fruição e de atuação, e no rescaldo e retorno à rotina.

Durante seus períodos festivos o tempo cotidiano é substituído pelo tempo ritual da festa – é a ruptura da rotina. As comunidades se purgam de suas contradições sociais – o espaço da festa passa a ser território comum em que todos os cidadãos circulam/convivem para além de suas diferenças.E por vezes evidenciando-as.

Não são estruturas fixas, mas um contínuo de mudanças: as celebrações pouco se transformam, e ao mesmo tempo escapam ao desgaste do tempo. São sempre as mesmas, mas nunca iguais.

Há festas de grande difusão nacional, religiosas ou profanas, públicas ou domiciliares e se constituem fenômenos paradoxais.

Nelas estão inseridos os nossos folguedos – Congos ou Congadas, Moçambiques, Folias ou – representações que se dão por vezes em cortejo tendo por cenários as ruas e praças públicas de nossas cidades, especialmente nos dias de festas em louvor dos santos padroeiros e do calendário litúrgico ou profano. Seus participantes se organizam em grupos estruturados, respeitando a divisão de trabalho e hierarquia interna. Necessitam de ensaios periódicos, o que faz seus funcionamentos ultrapassarem o momento da representação, exigindo dos mesmos certa permanência nos grupos.

Copyright Toninho Macedo. Todos direitos reservados.
UA-61231390-1